sexta-feira, 24 de junho de 2011

Em dois anos ou duas horas, o que importa é sentir!

- (...)nestes dois últimos anos me veio uma grande tranqüilidade. - Disse e sorriu por não precisar mentir. Por que tranqüilidade ou indiferença, no fundo, não eram a mesma coisa? “

In.: Ciranda de Pedra - Lygia Fagundes Telles

4 comentários:

  1. rsrsrs... Pois é... pra mim a tranquilidade é tudo e a indiferença é essencial... beijoooooos =D

    ResponderExcluir
  2. Complicado mesmo!!! Mais prefiro a tranquilidade,do que indiferença..]vlwlwlw

    ResponderExcluir
  3. Adorei o blog!
    tô seguindo, segue de volta? =)

    Grande beijo
    http://luckydayss.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Adorei o blog,voltarei,seguindo *--*
    beeijos (:
    http://detudoquerealmenteimporta.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Cuidado leitor, ao voltar a página! Aqui dissipa-se o mundo visionário e platônico!