sábado, 10 de setembro de 2011

Se houver motivo, é mais um samba que eu faço.

 
"Caminhavam assim, lembrando juntos letras de bossa-nova. Ela imitava Nara Leão: se-alguém-perguntar-por-mim. Ele, Dick Farney: pelas-manhãs-tu-és-a-vida-a-cantar. Nada sabiam de punks, darks, neons, cults, noirs. Eram tão antigos caminhando de mãos dadas naquela areia luminosa, macia de pisar quando os pés afundam nela lentamente. Tão bom encontrar você, um cantinho, um violão." 
 (Mel & girassóis - Caio F)
 

4 comentários:

  1. bom demaaaaaaaais ;D
    beijinhos lindeza
    e uma ótima semana!

    :*

    ResponderExcluir
  2. Um samba chorado, uma lágrima de sangue e um riso amarelo.

    ResponderExcluir

Cuidado leitor, ao voltar a página! Aqui dissipa-se o mundo visionário e platônico!